9 passos para viver em paz, criando o céu na terra

9 passos para viver em paz, criando o céu na terra

Quando seus pensamentos se unem em padrões de pensamentos de desejo, ou de intenção, ou de finalidade, você cria uma forma de vida. Esta forma de vida é um projeto, um esboço elétrico da sua intenção, e o respectivo campo magnético da emoção atrai conjuntos de partículas de energia para transformar esta intenção de comando numa materialização visível. Esta é uma manifestação dos seus próprios desejos. Como o seu conhecimento de si mesmo e de seu futuro são limitados, esta manifestação trará para a sua vida um lado feliz e um lado triste. Mas quando você primeiro se volta para a Consciência Divina em busca da verdadeira solução para o seu problema, e depois devolve esta solução para a Consciência Divina para a sua perfeita manifestação na Terra, então você tem a perfeita manifestação da Luz que não traz em si nenhuma decepção futura.

0. Experimente buscar, antes de qualquer coisa, a orientação da Consciência Divina e de fazer disso uma constante em sua vida. Mesmo que você possa achar que não recebeu nenhuma resposta do Divino, eu lhe digo verdadeiramente: se você permanece firme na fé, no futuro você verá as respostas virem para você de forma visível.

Portanto:

1. Medite diariamente
Como Membro do Reino dos Céus na Terra eu meditarei diariamente, começando com dez minutos de meditação, e passando para qualquer período de tempo que me seja adequado. Tanto quanto possível, deixarei todo pensamento de lado, aquietarei e silenciarei minha mente. Com todo o meu coração, pedirei à Consciência Divina que entre em minha consciência e que a assuma, trazendo-me a Sabedoria Divina e o Amor Divino, a fim de que ele possa abençoar minha vida, todos os que se relacionam com ela de qualquer forma, bem como todo o mundo.
Eu usarei este tempo de união com a Consciência Divina para SABER que todos os assuntos que levo para a sua cura e resolução serão devidamente curados e resolvidos.
Eu pedirei à Consciência Divina para que me dê a graça de SABER que ELA sempre responde às preces feitas com convicção amorosa.


2. Abandone a inveja: O Universo é Abundante
Como Membro que auxilia a criar o Reino dos Céus, preciso deixar de lado qualquer pensamento de inveja. Preciso lembrar e afirmar que, como um filho da Consciência Divina - o “Pai”, posso pedir qualquer coisa que eu necessite ou queira e que, no devido tempo, isto será manifestado para mim.


3. Rejeite a rejeição e abrace a aceitação
Como um verdadeiro Membro do Reino dos Céus, diariamente eu rejeitarei todos os pensamentos egoicos e os substituirei por aqueles de amor compassivo e incondicional, com os quais ajudarei a construir o Reino.
Diariamente, repetirei para mim mesmo: “Eu me comprometi a ajudar a construir uma Era de Amor e Paz e todos os meus pensamentos amorosos são uma influência transformadora sobre a Terra”.


4. Seja alegre e bem-humorado
Preciso lembrar que o Reino dos Céus é um lugar de alegria e bom humor. Diariamente, pedirei para tornar-me cada vez mais iluminado e elevado em uma adequada e espontânea alegria e bom humor, para auxiliar a iluminar os espíritos dos que me rodeiam.


5. Aprenda a Ouvir
Diariamente, preciso lembrar que para superar o ego e fazer um profundo e significativo contato com outras pessoas, eu devo OUVIR! Preciso controlar os impulsos do meu ego e ouvir, esforçando-me para compreender e empatizar com o que está sendo dito.


6. Abandone os ressentimentos
Diariamente, preciso lembrar que para superar o ego, devo ser capaz de ouvir qualquer verdade sobre mim mesmo, sem querer retaliar ou encontrar desculpas. No Reino dos Céus não há maledicência, vingança ou ressentimento! Comprometendo-me a ajudar a construir o Reino dos Céus na Terra, preciso superar todos estes impulsos do ego e substituí-los pelo amor incondicional.



7. Seja focado, confie e seja paciente
Diariamente, preciso lembrar que no Reino dos Céus se SABE que o amanhã será perfeito, pois a Consciência Divina preenche as mentes e os corações de cada habitante do Reino. Portanto, preciso evitar toda conversa alarmista. Eu não serei pego comentando as faltas dos outros. Eu não tolerarei que minha baixa consciência se detenha sobre os males dos governos e do mundo. Para construir o Reino dos Céus, devo me afastar de tudo o que não quero ver perpetuado, se não o Reino nunca tomará forma, ou outros poderão construí-lo e eu ficarei para trás. Eu serei excluído pela consciência autoindulgente que construir diariamente.


8. Seja luz para si mesmo e para quem quiser recebê-la!
Ouvirei com amor todos os que buscam o meu conforto e pedirei à Consciência Divina para inspirar-me com as palavras que curarão os seus males.


9. Plante a semente agora mesmo
Diariamente, visualizarei e farei a afirmação seguinte, com amor pelo mundo e por mim mesmo. Afirmarei constantemente que, em razão da Consciência Divina iluminar minha mente, minhas afirmações serão poderosas e doadoras de vida. Eu visualizo que elas são sementes de acontecimentos futuros.

AFIRMAÇÃO
Diariamente, eu abro meu coração e minha mente para a Consciência Divina superior, para que me ajude a dissolver todos os impulsos egoístas do ego.
Diariamente, eu abro minha alma para receber a Consciência Divina, para me ajudar a construir uma nova ERA de AMOR e PAZ no mundo.
No REINO dos CÉUS, apenas o Amor Divino, a Consciência Divina, a Alegria, o Bom Humor e a beleza da auto-expressão serão sempre sublimemente manifestados.
Em cada canto do mundo, a natureza florescerá exuberante e harmoniosamente, fornecendo frutas e alimento para cada pessoa na Terra. Toda pessoa será alimentada. Todos serão vestidos. Todos serão elevados em espírito e todos manifestarão a Consciência Divina de todas as ma- neiras, todos os dias.
Eu ergo esta Visão de Felicidade para a Consciência Divina, onde ela será inflamada com a VIDA DIVINA para a sua perfeita manifestação na Terra. Eu agradeço com amor à minha FONTE, pois neste mesmo momento, tudo está começando a tomar forma no invisível.
Agradeço, PAI - MÃE - VIDA!

Texto extraído do livro “Cartas de Cristo – Textos Complementares” publicado pela Almenara Editorial – 2014.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS